mercado de trabalho

Mercado de trabalho, uma nova fronteira na gastronomia

O Chef e Professor Celso dos Santos Silva, do Aregala Internacional e Cozinheiros sem Fronteiras, descreve cenário e perspectivas relacionadas a prestação de serviços do setor de alimentação.

Atualmente, percebe-se a necessidade urgente e emergente de capacitação contínua dos recursos humanos envolvidos com a prestação de serviços de alimentação.

O mercado de trabalho quer para a mão-de-obra operacional como para gerencial apresenta-se em contínuo crescimento no Brasil, em função de maior integração e inserção da gastronomia brasileira no turismo e na hospitalidade nacionais.

Nos últimos anos, o segmento gastronômico tem demandado grande quantidade de profissionais que possuam cada vez mais visão estratégica e formação contínua para a ocupação plena das mais diversas funções de natureza operacional, liderança e gestão.

Os mais novos postos de trabalho e a ascensão de carreira nessa área específica da gastronomia empresarial em nosso país se fazem presentes nas principais capitais estaduais e nos grandes centros urbanos regionais estaduais.

Os mercados empresariais de restaurantes e bares comerciais e de coletividades (refeições coletivas), já estão necessitando e procurando a melhoria global da profissionalização na atividade de gastronomia típica brasileira.

Aumentam também no país, as possibilidades de empregabilidade e profissionalização em gastronomia brasileira nos hotéis e demais meios de hospedagem, clubes, Resorts, parques temáticos, empresas de eventos, redes de franquias de alimentação e pontos de vendas de alimentos e bebidas de “comida de rua”.

O mercado de trabalho quer para a mão-de-obra operacional como para gerencial apresenta-se em contínuo crescimento no Brasil.

A gastronomia brasileira apresenta-se assim, como a mais nova fronteira com perspectivas de crescimento real e de desafios e mudanças na educação profissional de qualidade.

Prof. Celso dos Santos Silva – celso@aregalabrasil.com.br  é Vice-Presidente Internacional de AREGALA – Associación de Restauradores Gastronómicos de Las Americas y del mundo e Presidente de Cozinheiros sem Fronteiras – Brasil.

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia! Eventos, curiosidades e dicas de gestão e mercado do setor de alimentação fora do lar!

Mercado de trabalho, uma nova fronteira na gastronomia was last modified: by

A CNTur - Confederação Nacional do Turismo é uma entidade sindical patronal de grau máximo, que congrega em todo território nacional 07 federações e mais de 130 sindicatos, representando cerca de 3,0 milhões de empresas geradoras de mais de 8 milhões de empregos.A CNTur reúne os segmentos de hotelaria e meios de hospedagem; os setores de gastronomia, restaurantes e similares; operadoras e agências de turismo; empresas de refeição coletivas; entretenimentos e parques temáticos; além dos clubes recreativos, sociais e esportivos. Sua atuação na defesa dos interesses da categoria se dá principalmente na esfera federal, atuando em conjunto com as federações e sindicatos também nas esferas estaduais e municipais.