GORDURA TRANS

ANR participa das discussões sobre o uso de gordura trans

A Associação Nacional de Restaurantes – ANR – esteve em Brasília, a convite da ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária – para participar da reunião preparatória para Audiência Pública sobre o uso da gordura trans industrial em alimentos e aproveita o momento para posicionar os leitores do Foodnews sobre o assunto e seus possíveis desdobramentos.

O fato é que a ANVISA tem sido constantemente questionada por diferentes setores ligados a gastronomia para proibir o uso de gordura trans em alimentos. A ANVISA julga que é necessário apresentar elementos técnicos para contribuir com as discussões e ressalta a necessidade de uma Audiência Pública para se regulamentar o tema.

Por que proibir o uso da gordura trans?

“Esta intenção da Anvisa em regular a utilização parcial ou total de gorduras trans se deve ao fato que a mesma representa risco à saúde do consumidor, conforme resultado de estudos realizados em muitos países. Os Estados Unidos, por meio do seu órgão regulador (FDA – Food and Drug Administration), já proíbe o uso há alguns anos e outras localidades adotaram a mesma postura”, explica Eliana D. Alvarenga, coordenadora do GT-Tec e representante da ANR no encontro. “No Brasil, desde 2006 a ANVISA determina que as empresas de alimentos informem nos rótulos a quantidade de gorduras trans presentes, já que elas podem acarretar o aumento do colesterol ruim (LDL), a redução do colesterol bom (HDL), além de ampliar o risco de outras doenças”, diz.
Eliana afirma ainda que é justamente em função desses perigos à saúde que a ANR se engajou no projeto e está empenhada em conscientizar os associados sobre a importância da diminuição do uso dessa gordura. Hoje, ela é facilmente encontrada em diversos alimentos industrializados, como batata frita, bolos, chocolates, sorvetes e margarina, pois ajudam a ampliar seu tempo de vida útil.

Além da ANR, estiveram presentes na reunião representantes da ABIA (Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação) e da ABIOVE (Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais), bem como empresas que produzem óleos e gorduras.

Acompanhe os artigos da ANR no Foodnews e fique por dentro das notícias do setor!

ANR participa das discussões sobre o uso de gordura trans was last modified: by

A Associação Nacional de Restaurantes (ANR) reúne e representa empresários de todo porte do setor de food service em suas relações com os poderes públicos, entidades de trabalhadores e junto à sociedade em geral. A ANR tem hoje cerca de 500 associados que reúnem mais de 6.000 pontos comerciais no Brasil, entre restaurantes independentes e grandes redes de alimentação.