índice de alimentação saudável

Você conhece o Índice de Alimentação Saudável?

Você já ouviu falar no Índice de Alimentação Saudável?

O Índice de Alimentação Saudável  mede a qualidade das escolhas alimentares dos consumidores nos Estados Unidos.

O Índice de Alimentação Saudável atribui pontuações a dietas em uma escala em que a pontuação máxima de 100 indica que a dieta atende todas as recomendações dietéticas.

E os resultados mostram que as dietas da maioria dos americanos poderiam ter melhoras significativas. Isso porque o Índice de Alimentação Saudável está em média com 53,5 pontos de 100 possíveis. E o pior, o índice se mantém estável nesse patamar desde o início dos anos 2000.

Pois é, ainda existe um grande caminho para as mudanças nos hábitos alimentares por lá. Apesar de não termos um Índice de Alimentação Saudável no Brasil, o perfil de peso do brasileiro está evoluindo para patamares nada animadores (clique aqui).

O fato é que pelo Índice de Alimentação Saudável podemos comparar como as escolhas alimentares e a qualidade geral da dieta diferem entre homens e mulheres e em certos grupos etários, como as pontuações entre crianças e adolescentes, por exemplo.

O Índice de Alimentação Saudável inclui 12 componentes, cada um dos quais mede um aspecto da qualidade da dieta. Esses componentes representam todas as principais recomendações com base nas diretrizes dietéticas do país. E novos componentes entraram recentemente nas principais recomendações dietéticas nos Estados Unidos e incluem:

  • Consumo de vegetais verdes escuros e feijões e ervilhas. Estes são os dois subgrupos vegetais para os quais as ingestões estão mais longe dos níveis recomendados.
  • Consumo de pescados, bem como proteínas vegetais. Relação de gorduras insaturadas com gorduras saturadas na dieta. Isso reflete a recomendação de substituição de gorduras saturadas (gorduras sólidas) por ácidos graxos mono e poliinsaturados (óleos).
  • Consumo de grãos refinados para identificar doses mais altas do que recomendadas de grãos refinados, como pão branco, arroz branco e a maioria dos bolos, biscoitos e outros produtos cozidos a doces. Este componente está incluído porque o consumo de grãos refinados é muito alto e que cerca de metade deles deve ser substituído por grãos integrais.

O Índice de Alimentação Saudável também é utilizado por pesquisadores e formuladores de políticas públicas no que se refere à educação nutricional e atividades de promoção da saúde, bem como a determinação da eficácia dos programas que visam melhorar a qualidade da dieta da população.

Afinal, você sabe por que a fibra alimentar contribui para saúde e o controle do peso? Alimentos que são fontes de fibra exigem maior tempo de mastigação, o que pode reduzir o consumo de alimentos durante a refeição. Clique aqui!

Adaptado do USDA

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Você conhece o Índice de Alimentação Saudável? was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecer conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!