pesquisa salarial

Empresas do setor ainda podem participar da pesquisa salarial

As empresas que ainda não se inscreveram para participar da Pesquisa Salarial da ANR vão ter mais uma chance.

Como a reunião geral sobre a pesquisa salarial (clique aqui) foi transferida para 10 de agosto, os estabelecimentos podem encaminhar seus dados para integrar a edição 2017.

O encontro sobre pesquisa salarial foi postergado em razão da ponderação de vários dos já inscritos para aguardar o impacto da Lei da Gorjeta (clique aqui) sobre os ganhos dos colaboradores. Assim, será possível evitar distorções ocasionadas pelo fato de algumas empresas já terem adotado a nova Lei e outras ainda não.

Um dos principais indicadores de gestão para empresas do setor de bares, restaurantes e serviços de alimentação, o estudo irá englobar uma lista de 64 cargos, de cumin a gerente de operações, que irá ajudar os estabelecimentos a reter talentos e melhorar suas políticas de benefícios.

“Em nosso encontro trataremos desde orientações para entrega dos dados até o cronograma para levantamento e análise”, afirma Benedito Pontes, consultor da ANR e sócio da BRPontes, responsável pelo estudo. Pontes é autor de livros como Administração de Cargos e Salários(2005) e Gestão de Profissionais Em Empresas Competitivas (2001).

Entre outros aspectos que serão esclarecidos estão os tipos de serviços no mercado, bem como as regiões e cargos avaliados, incluindo os benefícios.“ A entrega das informações deverá ser feita na primeira semana de agosto. Os relatórios da pesquisa serão liberados até o final do mês”, completou o consultor. Os dados serão tratados de forma confidencial.

Para se inscrever, os valores variam a partir de R$1 mil para associados e de R$3 mil para não-associados. Empresas de um mesmo grupo pagam apenas uma inscrição. Os participantes devem enviar o termo de adesão preenchido para: comunicacao@anrbrasil.org.br.

O Governo conseguiu a aprovação da reforma trabalhista (clique aqui)

Ao lado de outras entidades, a ANR teve importante atuação ao levar ao Governo questões fundamentais para o avanço nas relações trabalhistas, principal marca do texto aprovado da reforma trabalhista.

O Foodnews destaca artigo da ABIA que mostra ser o Brasil o país campeão de ações trabalhistas e da importância da reforma trabalhista (clique aqui e saiba mais)!

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Empresas do setor ainda podem participar da pesquisa salarial was last modified: by

A Associação Nacional de Restaurantes (ANR) reúne e representa empresários de todo porte do setor de food service em suas relações com os poderes públicos, entidades de trabalhadores e junto à sociedade em geral. A ANR tem hoje cerca de 500 associados que reúnem mais de 6.000 pontos comerciais no Brasil, entre restaurantes independentes e grandes redes de alimentação.