preço do trigo

Estoque em alta deve manter preço do trigo estável em 2018

O Foodnews destaca para a expectativa de estabilidade do preço do trigo em 2018 devido ao maior estoque do grão em quase 20 anos.

As produções de grãos e cereais atingiram volumes recordes, pelo menos nos últimos 2 anos, favorecidas pelo clima.

Assim, os estoques de grãos seguem em volumes bem satisfatórios e no caso do trigo, a relação do estoque/consumo está no maior nível desde a safra 1999/2000, segundo dados do USDA.

Nesse ambiente de estoque em alta, o preço do trigo não devem subir em 2018.

Compradores e consumidores são favorecidos por esse cenário, mas a rentabilidade de produtores segue sendo pressionada. Neste ano, a liquidez deve ser influenciada pelos amplos estoques de moinhos, pelas importações e pelo dólar.

Quanto à área a ser plantada em 2018, a concorrência com o milho segunda safra continuará sendo fator de impacto, principalmente no Paraná, em Mato Grosso do Sul e no Sudeste. Nos estados Sul, especialmente no sul do Paraná, produtores buscam outras alternativas de culturas de inverno, em detrimento do trigo.

Vale lembrar que a importação de trigo pelo Brasil esteve no maior patamar em cerca de 10 anos em 2017!A importação de trigo pelo Brasil em 2017 deverá atingir 7,2 milhões de toneladas, o maior volume em cerca de uma década, após uma quebra de safra do cereal no país, apontou a Conab neste início de dezembro. Clique aqui e saiba mais!

Você sabia que as pesquisas mostram avanços e torna cada vez mais possível a oferta de trigo sem glúten no mercado? Pois é, isso está cada vez mais perto de se tornar realidade. Clique aqui e saiba mais!

É interessante mencionar também que a mandioca pode substituir parte do trigo na fabricação de pães? Clique aqui e entenda mais pesquisa e motivos dessa substituição!

Adaptado do Cepea

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Estoque em alta deve manter preço do trigo estável em 2018 was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecedor conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!