alimentos com baixo teor de açúcar

Avanços na busca por alimentos com baixo teor de açúcar

O Foodnews trás alguns dados de pesquisa que revelam o que tem sido alcançado neste desafio de oferecer alimentos com baixo teor de açúcar.

Alimentos com baixo teor de açúcar.

Este é um dos principais desafios atuais da indústria de alimentos, ou seja, de desenvolver produtos mais saudáveis, com reduzidos teores de açúcar, gordura e sal, sem derrubar o consumo.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) tem divulgado vários alertas sobre o risco de obesidade e doenças crônicas em crianças e adultos, devido à ingestão elevada desses nutrientes.

Alguns países já têm discutido políticas públicas para redução do consumo com taxação extra.

No Brasil, desde 2007, existe um acordo firmado entre Ministério da Saúde e a Associação Brasileira das Indústrias de Alimentos (ABIA), propondo um cronograma de redução gradativa de sódio (sal), açúcares e gorduras em alimentos.

Uma das contribuições para essa questão vem da pesquisa desenvolvida por Juliana Peres, no Mestrado em Ciências do Consumo e Nutrição da Universidade do Porto – Portugal, sob a orientação da pesquisadora Rosires Deliza da Embrapa Agroindústria de Alimentos.

Foram realizados testes de aceitação com consumidores para três tipos de néctares: néctar de romã e laranja, néctar de maracujá e laranja e néctar de maracujá. “Os resultados comprovaram que é possível reduzir o teor de açúcar nos diferentes tipos de néctares testados, sem que haja alteração na percepção do consumidor.

A pesquisa comprovou também que é possível aplicar reduções ainda mais significativas no teor de açúcar, mesmo perceptíveis ao consumidor, sem provoca avaliações negativas quanto à aceitação dos néctares, abrindo caminho para reduções de açúcar significativas nos produtos de mercado sem causar impactos comerciais expressivos”, afirma Juliana Peres.

Os dados da pesquisa revelam que é possível reduzir até 18,4% no néctar de romã, 20% no néctar de maracujá e laranja e 10,2% no néctar de maracujá sem alterar a preferência do consumidor.

“Estudos comprovam que a redução média de 20% na adição de açúcar de produtos industrializados não altera a aceitação do consumidor. Nos países nórdicos e europeus, os produtos são comercializados com conteúdo de açúcar muito mais baixos, comparados aos disponíveis no Brasil. É um caminho a ser perseguido”, conclui Gastón Ares, da Universidad de la República, Uruguai, que integrou a pesquisa.

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Avanços na busca por alimentos com baixo teor de açúcar was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecedor conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!