bacalhau da Noruega

Dicas e curiosidades sobre o bacalhau da Noruega!

O Foodnews apresenta algumas dicas e curiosidades sobre o bacalhau da Noruega.

Afinal de contas, na hora de fazer uma receita com bacalhau é preciso escolher o pescado entre os tipos que são encontrados no mercado.

O peixe costuma ser um clássico nas ceias de Natal e Ano Novo de muitas famílias, e as dúvidas em torno desse peixe de águas geladas são muitas. O Conselho Norueguês da Pesca (CNP), mostra como escolher o autêntico Bacalhau da Noruega.

Para ter certeza que está levando o produto certo para casa, é preciso saber diferenciar todos os tipos de bacalhau. Algumas dicas seguem abaixo:

  • o peixe, originário das águas frias e límpidas do mar da Noruega, é chamado de Gadus morhua. Não confundir com o Gadus macrocephalus;
  • existem também outras espécies da mesma família, também pescados da Noruega, que são denominadas peixe tipo bacalhau, como o Zarbo, o Ling e o Saithe, muito comum nos mercados
  • é muito importante analisar a cor do peixe, porque isso mostra a qualidade do produto. A coloração varia de acordo com o tipo de bacalhau e a cor branca não significa um produto melhor.
  • se certificar de que o bacalhau está seco, sem nenhuma parte visivelmente úmida e descolorida, é outro passo importante. Para obter o sabor clássico do bacalhau é importante que ele seja seco e salgado, pois isso garante a qualidade premium do autêntico Bacalhau da Noruega.

Pois é, existem peixes tipo bacalhau que são diferentes do bacalhau da Noruega e o consumidor precisa estar atento para adquirir o produto que está, de fato, procurando!

E assim como o bacalhau da Noruega é importante para os noruegueses, a tilápia tem sua importância para o Brasil. Clique aqui e confira alguns dados que destacam a importância da tilápia para o mercado de nacional.

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Dicas e curiosidades sobre o bacalhau da Noruega! was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecer conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!