bebidas quentes

Países da Ásia-Pacífico são os maiores consumidores de bebidas quentes

Estudos apontam que 34% das vendas de bebidas quentes ocorrem predominantemente no bloco de países da Ásia-Pacífico.

Chamamos de bebidas quentes as compostas por café torrado, torrado e moído e solúvel, chás e demais bebidas aquecidas apreciadas no mundo.

O interessante é que estimativas do crescimento do consumo de bebidas feitas com misturas instantâneas à base de café demonstram que elas deverão ultrapassar a demanda do café solúvel até 2021.

O Foodnews inclusive já debateu um pouco do assunto (clique aqui e saiba mais).

Com relação ainda a bebidas quentes, os números do cenário mundial atual indicam que o mercado consumidor tem apresentado crescimento, além das regiões citadas (Ásia-Pacífico), também na América Latina, Oriente Médio e África.

Um outro segmento que tem apresentado expansão no consumo é o de café em cápsulas, com um crescimento médio de 7% ao ano em termos globais. Em contrapartida, na Europa Ocidental, o consumo de bebidas quentes tem registrado, percentualmente, declínio, pois em 2011 correspondiam a 26% do consumo global e, em 2016, caiu para 21%.

De outro lado, o estudo indicou que estaria havendo aumento no consumo de cafés gelados, aumento que sinalizava uma tendência com potencial para consolidação e impacto duradouro no mercado desse tipo de bebida à base de café.

O fato é que pequenas e grandes empresas do setor já apostavam na oferta dessas bebidas, que estavam se tornando cada vez mais populares, principalmente entre os jovens.

O Foodnews também apresentou dados do consumo de café pelo mundo. Conheça os números da bebida (clique aqui)!

Recentemente, a indústria de cápsulas também passou a explorar as oportunidades existentes no mercado de cafés gelados, tanto que uma grande empresa do setor, que atua em nível mundial, lançou duas edições limitadas de cápsulas especialmente desenvolvidas para serem consumidas geladas, cujos grãos são provenientes do Quênia, Colômbia, Costa Rica e Brasil.

O Foodnews destaca dados que revelam os benefícios do consumo de café que, de acordo com as pesquisas, está ligado ao menor risco de morte! (clique aqui e saiba mais). Para saber um pouco da importância do Brasil no mercado mundial de café, clique aqui.

Adaptado de Lucas Tadeu Ferreira

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Países da Ásia-Pacífico são os maiores consumidores de bebidas quentes was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecedor conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!