carne bovina

A carne bovina, de vilã a queridinha com o passar dos anos!

O Foodnews destaca a trajetória de sucesso da carne bovina ao longo dos anos, saindo de grande vilã nos anos 70 para um cenário completamente diferente hoje!

Em resposta ao mercado, a indústria da carne de bovina fez mudanças importantes nas propriedades nutricionais percebidas de seus produtos há quase 40 anos.

A primeira campanha de alerta para indústria da carne ocorreu em 1977, nos Estados Unidos, quando o governo lançou “Os Objetivos Dietéticos para o Povo Americano”. Entre outras coisas, esse documento recomendava que os americanos diminuíssem o consumo de carne em favor de aves e peixes.

“De repente, a carne vermelha tornou-se uma grande vilã”, de acordo com Jeff Savell, Ph.D., da Texas A & M University, que esteve envolvido na pesquisa da indústria de carne bovina desde o final da década de 1970.

Naquela época a indústria comercializava carne bovina com muita gordura -” os cortes de dinossauros, quando comparamos com os cortes atuais”, diz o pesquisador.

“Na época, quase todos os homens com mais de 50 anos, ao visitar seu médico, estavam sendo informados para deixar de comer carne vermelha”, diz Eric Hentges, Ph.D., que foi diretor de pesquisa de nutrição no National Meat Board.

Com o poder do Congresso dos Estados Unidos e com os consumidores cada vez mais vendo a carne bovina como não saudável, a indústria sabia que tinha um enorme desafio pela frente.

A partir da década de 1980 e com o apelo de guerra “War on Fat”, o esforço da indústria pretendia encontrar uma maneira de incorporar carne bovina em uma nova consciência americana focada na alimentação saudável.

E conseguiram! Os resultados desta “guerra” foram impressionantes.  Desde o final da década de 1970, a indústria demonstrou uma redução de 44% na gordura disponível (de 13% a 7%) e uma redução de 29%  (de 13% para 9%) em gorduras saturadas, o que contribuiu para o aumento do consumo percapita no pais.

Desde a publicação das Orientações dietéticas de 1980 para os americanos, a gordura externa nos cortes de carne bovina diminuiu em cerca de 81%.

E você sabia que o principal atributo das marcas de carne bovina premium é a padronização no marmoreio e na cobertura de gordura, a maciez, textura, suculência e sabor? Clique aqui e saiba mais!

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

A carne bovina, de vilã a queridinha com o passar dos anos! was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecedor conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!