carotenoides

Importância do consumo de alimentos ricos em carotenoides

Saiba mais da importância do consumo de alimentos ricos em carotenoides!

Um levantamento do Ministério da Saúde mostra que 51% da população brasileira está acima do peso. Entre os homens, os obesos e os com sobrepeso são maioria, 54%. Nas mulheres, o índice chega a 48%.

Clique aqui e saiba mais do perfil do excesso de peso no Brasil.

O Brasil passa por uma transição nutricional, na qual inconvenientes gerados pelo excesso de peso convivem com problemas causados pela desnutrição, especialmente a crônica, segundo pesquisa de Rodrigo Amancio, da Esalq/USP.

A pesquisa, realizada com mais de 34 mil pessoas em todo o País, revelou um déficit no consumo de nutrientes essenciais à saúde. O consumo médio nacional de carotenoides, por exemplo, é de 4,1 mil microgramas por dia. Essa quantidade fica muito abaixo dos valores preconizados como seguros, que são de 9 a 18 mil microgramas por dia

Os obesos, grupo mais vulnerável a algum tipo de doença crônica não transmissível, não consomem nem a metade da recomendação de carotenoides.

Pessoas com obesidade são consideradas um grupo de risco no que diz respeito ao desenvolvimento das doenças crônicas não transmissíveis – diabetes e hipertensão estão entre elas – fator que poderia ser amenizados com o consumo de nutrientes funcionais, como os carotenoides.

Essas substâncias bioativas, como os carotenoides (alfa-caroteno, beta-caroteno, beta-criptoxantina, licopeno, luteína e zeaxantina) são consideradas antioxidantes, contribuindo para prevenir as doenças crônicas não transmissíveis.

Uma das importantes funções dos carotenoides é se transformar em vitamana A em nosso organismo. nutriente atua no crescimento, na visão, na integridade dos epitélios (células que revestem o corpo e formam uma barreira contra infecções) e no crescimento e desenvolvimento do esqueleto.

O nutriente ainda possui função antioxidante, que combate envelhecimento e câncer, e previne doenças crônicas como catarata, artrite e doenças cardiovasculares.

Os principais alimentos identificados como fontes de carotenoides na dieta da população brasileira foram salada de folhas, suco de frutas, verduras ou legumes, abóbora, mamão, tomate, melancia, alface, batata-doce, cenoura, milho verde e ovo de galinha. Alimentos típicos da biodiversidade brasileira como buriti, pequi, tucumã, acerola, cajá, pitanga, entre outros, fontes expressivas de carotenoides, não estão entre os mais consumidos pela população brasileira.

Fonte: Adaptado da Revista A Lavoura

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Importância do consumo de alimentos ricos em carotenoides was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecedor conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!