consumo de carne ovina

Como está o consumo de carne ovina no Brasil?

O Foodnews destaca pesquisa da Embrapa relacionada ao consumo de carne ovina no Brasil.

Afinal, como está o consumo de carne ovina no País? Pois é, as carnes bovina, suína e de frango já estão presentes na mesa do brasileiro. Por outro lado, a carne ovina precisa conquistar seu espaço na preferência do consumidor.

Resultados de pesquisa realizada recentemente pela Embrapa demonstraram que 25 milhões de brasileiros, 12% de consumidores do País, nunca sequer experimentaram a proteína oriunda de ovelhas, carneiros ou cordeiros.

O fato é que para 12% dos brasileiros ou 25 milhões de pessoas o consumo de carne ovina nunca existiu.

Mesmo entre aqueles que já provaram, a maior parte não criou hábito de consumo de carne ovina. Dos entrevistados listados na seção de consumo ocasional, 27% revelaram comer esse tipo de carne algumas vezes por ano e 35% consumiram alguma vez na vida, soma que corresponde a 128 milhões de pessoas.

O consumo de carne ovina é frequente apenas para 52 milhões de brasileiros, ou 25% da população nacional, com 17% dos pesquisados saboreando a carne ovina pelo menos uma vez por mês, 7% uma vez por semana e 1% diariamente.

Ou seja, boa parcela daqueles consumidores que já provou, não fez disso um hábito. “Mesmo no Sul, onde há tradição na criação e consumo, a carne ovina é mais lembrada para os churrascos de fim de semana, para assar em momentos festivos, mas ela não está presente no cardápio durante a semana”, resume a pesquisadora da Embrapa Pecuária Sul (RS) Élen Nalério, coordenadora do projeto “Aproveitamento Integral da Carne Ovina (Aprovinos)”, que busca levar ao mercado novas opções de consumo dessa carne.

Os motivos do baixo consumo da carne ovina vão desde a pouca disponibilidade do produto no mercado até a falta de costume e inexistência de cortes mais apropriados para o preparo no dia a dia, como acontece com outras proteínas animais. Esses pontos também foram levantados pela pesquisa intitulada “Percepção do consumidor brasileiro em relação à carne ovina e produtos derivados”, realizada no âmbito do Aprovinos e defendida pela engenheira de alimentos Juliana Cunha de Andrade em sua tese de doutorado em Ciência de Alimentos pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Em seu trabalho, Juliana detalhou um cenário com a percepção dos consumidores que pode servir de bússola para a cadeia produtiva da ovinocultura. “A falta de adequação da carne ovina a uma situação de consumo frequente foi identificada como a principal barreira, sendo considerado um produto para ocasiões específicas, em oposição às refeições diárias”, destaca.

Para a pesquisadora da Embrapa Agroindústria de Alimentos (RJ) Rosires Deliza os resultados do estudo forneceram uma visão abrangente da percepção do consumidor brasileiro sobre a carne ovina. “Entre as estratégias identificadas para aumentar o consumo estão: campanhas de comunicação, degustação em grandes centros comerciais, desenvolvimento de novos produtos e viabilização do consumo em situações cotidianas”, completa a cientista, que com o professor Gastón Ares, da Universidad de la República (Uruguai), foi orientadora do trabalho de doutorado da pesquisadora Juliana Cunha.

A pesquisa mostrou que a frequência de consumo de carne ovina aumentou com a idade e foi maior para os homens do que para as mulheres. A proporção dos participantes da Região Sul do Brasil foi maior entre os classificados como consumo frequente, enquanto os brasileiros da Região Norte relataram o menor consumo. Por outro lado, o maior grupo de consumidores que nunca consumiu carne ovina foi caracterizado pelos participantes da Região Sudeste.

“De acordo com o IBGE a Região Sudeste é a mais populosa e apresenta maior poder de compra e acesso aos bens e serviços do País. Isso sugere que os consumidores dessa região podem ser um alvo interessante para as estratégias de marketing que visam o aumento do consumo de carne ovina”, completa Rosires.

E mudando o foco do consumo de carne ovina para bovina, você sabe quais os países mais consomem carne bovina? Clique aqui e descubra!

Adaptado da Embrapa

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Como está o consumo de carne ovina no Brasil? was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecer conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!