Feiras Livres

Feiras Livres: história, curiosidades e importância

O Foodnews destaca um pouco da história e curiosidades das Feiras Livres na capital paulista, tradicional ponto de encontro para compras e um bom pastel!

As Feiras Livres funcionam no Município de São Paulo desde meados do século XVII.

Em 1687 alguns produtos cultivados no campo, principalmente hortaliças e também peixes eram comercializados no “Terreiro da Misericórdia”, no centro da capital.

Mas foi apenas em 1914 que foi criada a Feira Livre por meio do ato do Prefeito Washington Luiz de Souza, como o reconhecimento oficial de algo que já existia, tradicionalmente, na cidade de São Paulo.

A primeira Feira Livre oficial, realizada a título de experiência, contou com a presença de 26 feirantes no Largo General Osório.

Em 1915, elas somavam um total de 7 feiras, sendo duas no Arouche, duas no Largo General Osório e as demais no Largo Morais de Barros, Largo São Paulo e na Rua São Domingos.

No ano de 1948 houve uma expansão das Feiras Livres, quando o prefeito Paulo Lauro, por meio de Lei, determina a instalação de, pelo menos, uma feira semanal em cada subdistrito ou bairro da cidade.

Em 1974, as Feiras Livres passam a ter caráter supletivo de abastecimento. É determinada a utilização de equipamentos isotérmicos especiais para a venda de aves abatidas, miúdos e pescados, bem como o uso de uniformes pelos feirantes.

As Feiras Livres são grandes fontes de empregos e escoamento da produção de hortifrutigranjeiros, além do tradicional comércio de pescados.

Hoje, São Paulo abriga aproximadamente 850 Feiras Livres, de acordo com os números da Secretaria Municipal das Subprefeituras.

Em toda cidade, cerca de 16.305 barracas se espalham pelas ruas dos quatro cantos da capital paulista.

As subprefeituras da Penha e da Mooca, ambas na zona leste, são as campeãs em número de feiras, com 52 e 42, respectivamente. Perus, na zona norte, e Parelheiros, na zona sul, empatam em último lugar, ambas com apenas 8.

Siga o Foodnews, o canal de notícias da gastronomia!

Feiras Livres: história, curiosidades e importância was last modified: by

Especialista em produção animal e interessado em fornecedor conteúdo de qualidade para o setor de alimentação fora do lar!